Bebês podem voar na executiva sem pagar?

Em novembro de 2017 fomos para Miami e viajamos pela primeira vez na classe executiva da Delta. Algumas pessoas estranharam quando falamos que íamos na executiva, pois muita gente acha que criança não pode voar na primeira classe. Vou contar como foi nossa experiência.

Detalhes do Voo

O nosso voo para/de Atlanta era no Boing 767-400 com a configuração dos assentos no formato 1-2-1. Vou focar nesse voo, já que o voo interno nos EUA era configuração normal, apenas com mais espaço para as pernas.

Itinerário: GIG-ATL-MIA | MIA-ATL-GIG

Bagagens: Eu e Fred tínhamos direito a 3 malas de 32kg cada, mais 1 mala de mão de até 10kg (compramos as passagens antes da alteração das regras, que reduziu a franquia da executiva para 2 malas de 32kg). O Bernardo pagou 10% do valor da passagem (que é a tarifa normal para bebês até 2 anos, que vão no colo), por isso ele tinha direito a despachar 1 mala de 32kg, mais 1 bebê conforto e 1 carrinho (que foi até o portão da aeronave conosco).

Assentos: 7B e 7C

Ao comprarmos nossa passagem, entramos no SeatGuru que é o site que eu sempre gosto de consultar antes de marcar os assentos. Nesse site você consegue ver exatamente o layout da aeronave que irá voar, e além disso ele te dá diversas dicas, como assentos que não reclinam, locais próximos aos toiletes, entre outras.

Por exemplo: quando você escolhe o seu voo, ele marca os assentos que você precisa ter atenção ou passar longe. Como no caso da nossa aeronave, o site chamou atenção para os assentos da primeira fileira que ficam próximos à cozinha, e podem te incomodar devido ao barulho.

Como o layout da nossa aeronave era 1-2-1, como já citei, escolhemos as poltronas do meio para ficarmos juntos.

Check-in e Sala Vip

Chegamos no aeroporto um pouco em cima da hora. Nossa ideia era chegar pelo menos 3 horas antes do voo, mas infelizmente chegamos faltando cerca de 1 hora e meia.

Não precisamos correr, pois existe uma fila exclusiva para passageiros da classe executiva. Além disso estávamos com o Bernardo. Então aqui no Brasil, tivemos prioridade no check-in (nos EUA não existe fila de prioridade).

Após conferir nossos documentos, a atendente nos informou como fazíamos para chegar na sala vip. Os passageiros da classe executiva da Delta, no Galeão, utilizam a sala da Gol. Nessa sala são servidas comidas e bebidas à vontade, inclusive alcoólicas (para maiores de idade).

Na volta usamos a sala vip da Delta, a Delta Sky Club em Atlanta. É uma sala diferenciada, com um serviço de primeira e um deck maravilhoso.

Embarque e Voo

Na hora do embarque entram primeiro as prioridades legais. Depois os passageiros de executiva e após esses, os da econômica. Fomos praticamente os primeiros a entrar. Deixamos o carrinho do Bê no portão do avião e seguimos para nossas poltronas.

Nosso voo era noturno. Sempre preferimos assim, pois é mais fácil do Bê dormir a maior parte do tempo.

Logo que sentamos, já fomos recepcionados pelo nosso comissário com toalhas quentes e um espumante, junto com o cardápio da noite.

Bernardo, assim que entrou no avião, brincou um pouco, mamou e dormiu. Assim podemos escolher nosso jantar com mais tranquilidade.

Alimentação

Logo o comissário veio anotar nossos pedidos. No cardápio existem sempre 3 opções de prato principal e sobremesa. De entrada eles servem todos os alimentos descritos (é muita coisa!). Portanto se não desejar algum item, basta avisar. Ele também pergunta se você quer ser acordado para o café da manhã e qual horário.

Na executiva o jantar é servido por etapas. Primeiro a entrada, e em seguida o prato principal e depois a sobremesa. O que acaba tomando muito tempo em todo processo. Como eu estava com muito sono, acabei não comendo a sobremesa.

Caso esteja cansado, você tem a opção de solicitar o Dine & Rest, e o comissário vai trazer todo seu jantar de uma vez só. Porém as opções de entrada e sobremesa acabam sendo bem menores que o normal. Na volta eu acabei fazendo essa opção para poder dormir logo.

Amenities

Não posso esquecer de falar do kit de amenidades. Era uma necessaire da TUMI para cada um. Dentro dela tinha kit higiene dental, meias, tampões de ouvido, pente, máscara para dormir, lenços umedecidos e uma caneta. Na ida ganhamos essa necessaire molinha e na volta, a rígida. Mas o conteúdo das duas era o mesmo.

A grande vantagem de voar na classe executiva da Delta

Acredito que essa opinião é unânime. A vantagem de pagar mais caro para viajar na classe executiva são os assentos flat-bed. Na Delta as poltronas viram literalmente uma cama. Conseguimos dormir muito bem, mesmo com o Bê deitado ao meu lado. A roupa de cama oferecida por eles também era muito confortável.

O entretenimento a bordo também era bom, repleto de opções. Não assisti muitos filmes porque eu queria mesmo dormir, mas de manhã o Bê aproveitou alguns desenhos.

Gostei muito da experiência de voar na classe executiva da Delta. Realmente são muitas vantagens, desde as prioridades ao conforto oferecido aos passageiros.

A única ressalva que preciso fazer é em relação à entrega do nosso carrinho no portão do avião. Os passageiros da executiva saem do avião primeiro, porém não existe prioridade na entrega dos carrinhos. Em consequência disso ficamos cerca de 15 minutos na porta do avião esperando nosso carrinho chegar, e acabamos chegando na imigração de Atlanta depois de todos os passageiros da econômica. Por esse motivo, ficamos 2 horas na fila, porque chegaram também outros voos junto ao nosso. Isso aconteceu nos 4 voos, portanto eles ainda não se atentaram ao fato de que se a pessoa é Sky Prioritytoda sua bagagem também deveria ser.

Ainda assim, acho que vale muito a pena voar com eles. Tomara que melhorem esse ponto.

Veja também como tirar passaporte e visto americano para crianças.

Gostaram da nossa experiência na executiva com bebê? Qualquer dúvida deixem nos comentários que responderei pra vocês.

Esse texto foi escrito por Debora Zagotto (@deborazagotto) para o Blog – Nórdico Ateliê e está protegido pela lei de direitos autorais nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998. Portanto é totalmente proibida a reprodução parcial ou total de textos e/ou imagens contidos nesse blog sem a devida autorização do autor.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s